A união de forças em prol da digitalização do Agro

Atualizado: Abr 14



A edição 2020 do HackatAgro contou com inúmeras parcerias. Entidades como a Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) se uniram ao projeto com o objetivo de sensibilizar órgãos públicos e privados a respeito da importância da digitalização do agro, debater e refletir os impactos positivos desse processo e mobilizar os principais segmentos envolvidos: empreendedores da área de inovação e tecnologia e produtores rurais.


Reconhecendo os benefícios que a evolução tecnológica pode gerar para o setor do agronegócio, a Agência de Inovação e Transferência de Tecnologia (AGGITEC) da UFSM não só apoiou o HackatAgro, como teve uma de suas incubadas, a Performance Vegetal, como premiada do hackathon do agro realizado pelo projeto. De acordo com o coordenador de Empreendedorismo da AGGITEC, Silon Júnior da Silva, o apoio ao movimento pela digitalização do agro se deu porque a instituição busca manter o foco em ações que podem fazer a diferença para o setor.


Ele lembra que o curso de agronomia foi um dos primeiros da Universidade e a contribuição para o crescimento da agropecuária gaúcha e nacional é importante também para a manutenção das raízes da instituição. Além disso, o investimento em tecnologia e inovação para o campo é inevitável na atualidade, uma vez que a mão de obra no campo está cada vez menor e a necessidade de elevar a produtividade cada dia maior.


Além disso, para Silon, a digitalização é uma importante ferramenta para que três coisas essenciais aconteçam no processo produtivo.

"Precisamos recuperar áreas degradas, sendo mais sustentáveis; termos mais eficiência econômica dos cultivos agrícolas, visando a redução dos custos de produção; e maior qualificação dos recursos humanos", complementa ele.

Além da AGGITEC/UFSM, o HackatAgro 2020, idealizado pela Comissão de Inovação da Farsul, contou com o apoio institucional de Sebrae RS, Tecnosinos, TecnoPUC, Emater RS, UFRGS/Zenit, Pacto Alegre, Associação Brasileira de Marketing e Agronegócio (ABMRA), Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola (SINDAG) e Associação Anjos do Brasil, e produção da agência Neodigital.


Redação: Manuelle Motta

44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo