AMAGGI se une ao projeto HackatAgro 2021

Empresa referência em grãos e fibras ingressa no movimento de digitalização do Agro como patrocinadora


O projeto HackatAgro 2021 recebe mais uma grande empresa para fortalecer o trabalho em prol da digitalização do Agro brasileiro: a AMAGGI. A nova parceira, que promove o desenvolvimento sustentável por meio do aperfeiçoamento do agronegócio e da expansão do comércio internacional, agora faz parte do calendário de atividades e conteúdo estratégico do HackatAgro. A AMAGGI entra para o time de patrocinadores do projeto que conta com BeOn Claro, Banrisul, Yara e Climatempo.

Segundo Ricardo Moreira, gerente de controle de produção da AMAGGI, fazer parte desse movimento é uma forma de contribuir e incentivar eventos dessa natureza, reforçando a marca AMAGGI em eventos de inovação.

Sobre a importância da digitalização do agronegócio e o projeto HackatAgro, o gerente avalia que movimentos como esse dão visibilidade da tendência de melhorias que estão sendo desenvolvidas. “A digitalização dos processos agrícolas nos permite gerar dados e indicadores com mais detalhes e maior acurácia. Somente dessa maneira poderemos criar correlações de vários dados de múltiplas fontes, além de poder criar um armazenamento seguro e padronizado das informações apuradas”, comenta.

Moreira acredita que a parceria da AMAGGI e a realização dos hackathons do agro venha a contribuir para a inovação no setor, visto que é uma forma de troca de experiência entre desenvolvedores e usuário final. “Talvez pela participação de diversas empresas do setor num mesmo ambiente, dando-nos uma visão macro das tendências e soluções que estão por vir”, finaliza.


Sobre a AMAGGI


Fundada em 1977, a AMAGGI é a maior empresa brasileira de grãos e fibras. Presente em diversas etapas da cadeia do agronegócio, a AMAGGI atua na produção agrícola de grãos, fibras e sementes, originação, processamento e comercialização de grãos e insumos, transporte fluvial e rodoviário de grãos, operações portuárias, além de geração e comercialização de energia elétrica renovável.


A AMAGGI produz anualmente cerca de 1,1 milhão de toneladas de grãos e fibras - entre soja, milho e algodão - e possui uma base de relacionamento comercial de aproximadamente seis mil produtores rurais. Em 2019, comercializou cerca de 17,6 milhões de toneladas de grãos e fibras em todo o mundo.


Com sede em Cuiabá (MT), a AMAGGI está presente em todas as regiões do Brasil, com fazendas, armazéns, escritórios, fábricas, frota fluvial e rodoviária, terminais portuários e centrais hidroelétricas. São 74 unidades localizadas em 42 municípios de nove estados. No exterior, a empresa possui unidades e escritórios na Argentina, China, Holanda, Noruega, Paraguai e Suíça.


Fonte: Redação HackatAgro

391 visualizações0 comentário