Programa quer aumentar a produção de mandioca com inovação tecnológica, no Amapá

O programa Renivá Amapá, do Governo do Estado, quer elevar a produção de mandioca, levando inovação tecnológica para o cultivo tradicional. A iniciativa tem como objetivo agregar os diversos elos da cadeia produtivas, transferir e multiplicar as sementes melhoradas pela Embrapa.


Melhoradas geneticamente, as novas sementes (manivas-sementes) possuem maior resistência contra pragas e doenças, o que deve aumentar a produtividade da mandiocultura no Amapá, que atualmente é de 10 toneladas por hectare, mas a meta do estado é alcançar 30 toneladas.


O Governo do Amapá também realizou, recentemente, uma oficina de trabalho com agricultores para dar orientações sobre as melhores técnicas de plantio das novas sementes. No plantio tradicional da mandioca, uma maniva - pedaços das hastes do caule da planta – gera 10 manivas-sementes, com as técnicas ensinadas do programa, esse número pode aumentar para 400 mudas.


As manivas-sementes são resultado de quase duas décadas de pesquisas. Os pesquisadores da Embrapa coletaram milhares de sementes de diferentes espécies e gêneros da mandioca e analisaram os potenciais para a agricultura.


Fonte: https://summitagro.estadao.com.br/tendencias-e-tecnologia/amapa-apresenta-inovacao-no-plantio-de-mandioca/

2 visualizações0 comentário